[OFF-TOPIC] 2 Filmes e 3 Séries que Recomendo (maio)


(Vi estes em maio. Para ver as sugestões de outros meses, clique aqui.)

Abaixo os cinco que mais gostei nas últimas semanas:

Em linhas gerais, menino aprende a lidar com a doença terminal da mãe por meio de fábulas

Por que assistir: É um filme infantil/para família, que traz temas pesados como morte, bullying, doença e abandono, se utilizando da fantasia e do mistério. O filme é bonito, mistura live-action com animação 2D e trabalha suas questões sem eufemismos, o que considerei importante num mundo onde as crianças estão sendo excessivamente protegidas da verdade.

O filme acompanha uma semana na vida do motorista de ônibus que escreve poesia nas horas vagas.

Por que assistir: Mesmo sendo um daqueles filmes em que nada muito relevante acontece, acompanhar a rotina desse homem é inspirador pelo fato de ele encontrar beleza no trivial, dando um significado único às pequenas coisas e sendo feliz em sua simplicidade. Por isso, você termina o filme se questionando sobre tudo, principalmente sobre nossa falta de paz interior e satisfação pessoal.

Homem simples ajuda a cuidar de pessoas idosas num asilo

Por que assistir: Apesar de levantar muita controvérsia sobre o fato de Ricky Gervais (Derek) estar ou não ridicularizando pessoas com autismo – o fato de ser uma série na qual a maioria dos personagens são pessoas idosas e que trabalha temas relacionados ao abandono, vícios e famílias, com um tom ora singelo, ora engraçadinho – penso que a iniciativa faça mais bem que mal. Afinal, ninguém precisa de mais uma série com pessoas jovens, bonitas e maquiadas.

Warwick Davis, conhecido por seus trabalhos em Star Wars e Harry Potter, tenta sobreviver mesmo com a escassez de papéis para anões.

Por que assistir: Dentro do formato de documentário-mentira, acompanhamos este ator de 1 metro de altura nas suas peripécias para sobreviver no mundo das pessoas de “tamanho médio”. Davis é bem sucedido na vida real, com um amplo currículo, mas, na brincadeira da série, ele se faz de profissional ambicioso, sem noção e fracassado. O programa conta com várias participações especiais, como as de Val Kilmer, Steve Carell, Liam Neeson e Sting.

Mães ricas da Califórnia possuem vidas perfeitas de fachada, mas escondem mentiras que levam a um assassinato.

Por que assistir: São apenas 7 episódios, com ótimas atrizes e trilha sonora. A montagem é fluida como as ondas do mar e existe a mistura entre passado e presente. O que sabemos é que, durante uma festa à fantasia, alguém morre. Quem é vítima e quem é agressor só é revelado ao final. Enquanto isso, a série nos leva para a casa (mansão) de cada uma das mães e pais suspeitos para revelar seus segredos e possíveis motivos. Vale a pena ver pelo protagonismo feminino e também pelos temas trabalhados, como estupro, violência doméstica, carreira x maternidade, infidelidade, entre outros.

Para ver os outros que assisti, me siga no Filmow

Anúncios

O que achou dessa leitura?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s