[LITERATURA] O Papel de Parede Amarelo


Bem curtinho, este livro conta um episódio na vida de uma mulher. A narrativa é escrita em primeira pessoa e, por ela, sabemos o que está acontecendo de forma bastante fragmentada, mas clara a ponto de entendermos algo que a própria protagonista não percebe: que está enlouquecendo.

A autora também era ativista

A autora também era ativista

Publicado em 1891, pela norte-americana Charlotte Perkins Gilman, a história acaba sendo uma denúncia sobre a forma como as mulheres eram tratadas naquela época e que ainda encontra ecos na atualidade.

# 66 livro lido de 2016

A narradora está doente (provavelmente uma depressão) e é obrigada pelo marido, médico, a ficar confinada numa casa, sem poder escrever (o que ela faz escondido) e se exercitar, enquanto ele sai para trabalhar. O papel de parede amarelo do quarto a perturba muito e, mesmo pedindo para morar em outro lugar, ele a ignora, sempre a tratando de forma condescendente e infantilizadora.

Lido em 2 dias

Vale a pena ser lido. É bem angustiante.

Dados da Edição:

o_papel_de_parede_amarelo_1477513989565000sk1477513989bnaipes-024

O papel de parede amarelo
Charlotte Perkins Gilman
Ano: 1891 / Páginas: 112
Editora: José Olympio

Link no Skoob

Anúncios

2 pensamentos sobre “[LITERATURA] O Papel de Parede Amarelo

  1. Pingback: [META] 1001 Livros para ler antes de morrer | Leituras de Taróloga

  2. Pingback: [RESUMO] 1001 Livros para ler antes de morrer | Leituras de Taróloga

O que achou dessa leitura?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s