[MÊS DO HORROR] O Exorcista


Publicado na década de 70, este livro narra a suposta possessão de uma menina por um demônio, inspirada em um caso de exorcismo real, ocorrido nos Estados Unidos.

Estatueta de Pazuzu, Louvre.

Estatueta de Pazuzu, Louvre.

A história começa nos contando sobre a descoberta de uma estatueta do demônio sumério Pazuzu, durante uma escavação arqueológica no norte do Iraque. Lá, Padre Merrin interpreta este achado como um mau presságio, já que também encontraram junto ao artefato uma medalha de São José.

Do outro lado do mundo, em Georgetown, acontecem alguns fenômenos (como sons de batidas e mudança de temperatura ambiental, além de objetos que somem e aparecem em outros lugares) notados por Chris, uma atriz famosa, mãe da menina Regan.

Até agora, acompanhamos o dia a dia dessa mulher e suas tentativas racionais de explicar as coisas estranhas que tem presenciado. Por exemplo, ela manda colocar ratoeiras no sótão e segue mais de perto o serviço dos empregados, etc.

Anúncios

Um pensamento sobre “[MÊS DO HORROR] O Exorcista

  1. Pingback: [DIÁRIO DE LEITURA] O Exorcista #2 – Leituras de Taróloga

O que achou dessa leitura?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s