[LITERATURA] O Dragão Vermelho


Como disse na minha resenha de O Silêncio dos Inocentes, Thomas Harris (abaixo) é um autor mais brilhante por seus personagens e enredo, do que pelo modo como escreve. Isso posto, é preciso dizer que este livro é bem melhor do que o acima citado, embora possa ser considerado mais um policial, por explorar extensivamente a parte burocrática das investigações (até ao ponto de ficar um pouco chato), do que um de horror, que o deixe assustado.

HARRISt_OpalAS_195_02

Outro ponto é que, além de desenvolver melhor a história, esta obra tem mais trechos de tensão e traz curiosidades que tanto filmes quanto a série não trabalharam. Assim, acaba servindo como um bom complemento a quem já assistiu praticamente tudo sobre o tema, como eu.

Veja os Diários de Leitura

Por causa desses detalhes extras, tive mais pena do assassino, o Dragão Vermelho, justamente por ter mais clareza de seu passado e do que sofreu para chegar até aquele momento de “transformação”.

O mais interessante, após a leitura dos dois livros, é que Lecter quase não aparece, sendo ele o personagem mais emblemático de todos. Talvez por isso os livros seguintes – Hannibal e a Origem do Mal – sejam focados apenas nele.

Lido em 269 dias

Dados da Edição Lida:

DRAGAO_VERMELHO_1243739771Bnaipes-024

Thomas Harris
Ano: 1983 / Páginas: 348
Editora: Record

Link no Skoob

Anúncios

Um pensamento sobre “[LITERATURA] O Dragão Vermelho

  1. Pingback: [MÊS DO HORROR] Hannibal | Leituras de Taróloga

O que achou dessa leitura?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s