[DIÁRIO DE LEITURA] O Dragão Vermelho #5


Com Lounds morto, Will fica se atormentando, tentando entender quem é o Dragão Vermelho. Aliás, com toda a publicidade da morte do jornalista queimado, a mídia passa a chamar o assassino pelo nome correto, deixando de lado o apelido Dentuço ou Fada dos Dentes.

Molly, a esposa de Will, resolve se afastar, indo para a casa dos pais no Oregon. Enquanto isso, os especialistas tentam encontrar pistas nos restos da cadeira usada por Dolarhyde. Já no presídio para insanos, Dr. Chilton tira os privilégios de Hannibal, como seus livros e a tampa da privada, por ter se comunicado com o Dragão.

Neste ponto, o autor dedica alguns capítulos para contar a história do psicopata, algo que não fora trabalhado nem nos filmes, nem na série. Assim, descobrimos que Dolarhyde havia sido abandonado num hospital após sua mãe ver seu rosto deformado. Os médicos, no entanto, tentaram consertar suas deficiências de modo que, ao menos, ele pudesse comer e falar. Levado a um orfanato, lá ficou por 5 anos até ser adotado pela avó, que nada sabia de sua existência.

O pai dele era um alcoólatra do qual a mãe fugira. Por isso, seu primeiro ato de vingança foi unir a criança deformada à mãe por meio da sogra, que não perdeu a oportunidade de atormentar a filha que fugira de casa e que agora se casara com um homem rico.

dragãovermelho

Quando o menino então reencontra a mãe pela primeira vez, desde seu nascimento, tal é entremeado pelo reflexo de um espelho. Ela o vê pelo reflexo, grita e chora. Mesmo que não se tenha certeza de que tal fora pela aparência ou culpa, é evidente que o simbolismo ficou gravado na mente dele a ponto de reproduzir o mesmo esquema em seus assassinatos: a mãe bonita sendo morta por último, os cacos de vidro deixados em seus olhos.

Veja as Partes III, III e IV desse Diário

Este livro pertence ao Mês do Horror de 2015. Veja os outros:

  1. A Estrada – Cormac McCarthy (concluído)
  2. Entrevista com o Vampiro – Anne Rice (concluído)
  3. Histórias de Fantasmas – Charles Dickens (concluído)
  4. O Cemitério – Stephen King
  5. O Médico e o Monstro – Robert Louis Stevenson (concluído)
  6. O Psicopata Americano – Bret Easton Ellis
  7. O Rei de Amarelo – Robert W. Chambers (concluído)
  8. Sob a Redoma – Stephen King
Anúncios

2 pensamentos sobre “[DIÁRIO DE LEITURA] O Dragão Vermelho #5

  1. Pingback: [DIÁRIO DE LEITURA] O Dragão Vermelho #6 | Leituras de Taróloga

  2. Pingback: [DIÁRIO DE LEITURA] O Dragão Vermelho #7 | Leituras de Taróloga

O que achou dessa leitura?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s