[MÊS DA CIÊNCIA E FILOSOFIA] O Mundo Assombrado pelos Demônios #3


Agora, Sagan discute alguns preconceitos relativos à ciência. Por isso, explica detalhadamente o processo científico, mostrando que, ao contrário das superstições e misticismos, a ciência se autorregula e, mesmo que alguns cientistas errem ou sejam antiéticos, a comunidade científica uma hora ou outra corrige o erro. Logo, não se vive na escuridão por muito tempo.

200px-EdwardTeller1958.jpg

Edward Teller em 1958 – ele queria usar a bomba atômica para fins não muito nobres

Ele admite que muitos cientistas usaram seu conhecimento para a destruição da Humanidade, mas que isso não é uma regra e também não é problema da ciência em si. Do mesmo jeito que podemos ter um padre pedófilo, podemos ter um cientista louco. É a natureza humana a responsável pela obra final, não a religião ou a ciência.

Assim, explica que seria mais produtivo que se parasse de lutar contra a ciência e que se chegasse num ponto de equilíbrio entre o ceticismo (que não aceita qualquer besteira) e a admiração (que se abre para novas formas de pensamento).

animal-tracks-in-the-sand-winter-1998-marc-moritsch.jpg

Rastros de animais na areia eram estudados pelos povos primitivos

Depois, cita exemplos de povos primitivos para demonstrar que o pensamento científico está conosco desde o começo e que as crianças geralmente estão bastante inclinadas a aprendê-lo. Porém, o fato dos adultos constrangerem e ridicularizem os pequenos por suas dúvidas “por que o céu é azul”, “a lua redonda”, “de onde vem a chuva”, elas associam a ciência a algo difícil ou inútil.

Por fim, revela dados da década de 1990 (quando o livro foi publicado) de quão atrasados estão os Estados Unidos em relação a outros países europeus e asiáticos, no quesito educação. Resumindo, é como se os norte-americanos estudassem menos tempo e não vissem direito matérias essenciais.

Agora, pensa em como está o Brasil, que nem incentivo para a ciência tem.

Veja as Partes I e II desse Diário

Anúncios

O que achou dessa leitura?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s