[DIÁRIO DE LEITURA] A Estrada #3


Uma das coisas interessantes desse livro é imaginar como seria se o mundo estivesse praticamente vazio de gente e arrumar comida dependesse de restos de latas de feijão, ervilhas, sacos de fubá em supermercados empoeirados e a proteção, de roupas esquecidas em armários de pessoas, cujas casas estão abandonadas e abertas ao saque.

road2

É como se, neste mundo apocalíptico, voltássemos a ser caçadores-coletores. A diferença é que a humanidade do livro se dividiu entre aqueles que caçam e os que só coletam.

O Pai e o Filho preferem passar fome, por exemplo, a imaginar a possibilidade de matarem um cachorro ocasional, tão distantes da classe dos caçadores eles desejam estar.

Veja as Partes I e II desse Diário

Anúncios

Um pensamento sobre “[DIÁRIO DE LEITURA] A Estrada #3

  1. Pingback: [DIÁRIO DE LEITURA] A Estrada #4 | Leituras de Taróloga

O que achou dessa leitura?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s