[META] Ler os 100 melhores livros (Revista BULA)


(em destaque vermelho os que já li, em verde os que estou lendo e em azul os que tenho em casa)

*Atualizado 10/03/17

1 — Dom Quixote, Miguel de Cervantes, 1605

2 — Guerra e Paz, Liev Tolstói, 1869

3 — A Montanha Mágica, Thomas Mann, 1924

4 — Ulisses, James Joyce, 1922

5 — Cem Anos de Solidão, Gabriel García Márquez, 1967

6 — A Divina Comédia, Dante Alighieri, 1321

7 — Em Busca do Tempo Perdido, Marcel Proust, 1913

8 — O Som e a Fúria, William Faulkner, 1929

9 — O Homem sem Qualidades, Robert Musil, 1930-1943

10 — O Processo, Franz Kafka, 1925

11 — Crime e Castigo, Fiódor Dostoiévski, 1866

12 — Anna Kariênina, Liev Tolstói, 1877

13 — Édipo Rei, Sófocles, 427 a.c.

14 — 1984, George Orwell, 1949

15 — O Castelo, Franz Kafka, 1926

16 — Ilíada e Odisseia, Homero, século 8 a.c.

17 — A Vida e as Opiniões do Cavalheiro Tristram Shandy, Laurence Sterne, 1759

18 — Doutor Fausto, Thomas Mann, 1947

19 — Lolita, Vladímir Nabókov, 1955

20 — Enquanto Agonizo, William Faulkner, 1930

21 — A Morte de Virgílio, Hermann Broch, 1945

22 — Os Lusíadas, Luís de Camões, 1572

23 — O Homem Invisível, Ralph Ellison, 1952

24 — Hamlet, William Shakespeare, 1603

25 — Finnegans Wake, James Joyce, 1939

26 — Rumo ao Farol, Virginia Woolf, 1927

27 — Grande Sertão: Veredas (1956)

28 — Pedro Páramo, Juan Rulfo, 1955

29 — As Três Irmãs, Anton Tchekhov, 1901

30 — Orgulho e Preconceito, Jane Austen, 1813

31 — O Leopardo, Tomaso di Lampedusa, 1958

32 — Pais e Filhos, de Ivan Turguêniev, 1862

33 — Contos da Cantuária, Geoffrey Chaucer, século 15

34 — As Viagens de Gulliver, Jonathan Swift, 1726

35 — Middlemarch, George Eliot, 1874

36 — O Apanhador no Campo de Centeio, J. D. Salinger, 1951

37 — O Lobo da Estepe, Herman Hesse, 1927

38 — O Grande Gatsby, Scott Fitzgerald, 1925

39 — O Mestre e Margarida, Mikhail Bulgákov, 1940

40 — As Vinhas da Ira, John Steinbeck, 1939

41 — Memórias de Adriano, Marguerite Yourcenar, 1951

42 — Paralelo 42, John dos Passos, 1930

43 — Admirável Mundo Novo, Aldous Huxley, 1932

44 — As Asas da Pomba, Henry James, 1902

45 — O Jogo da Amarelinha, Julio Cortázar, 1963

46 — A Náusea, Jean-Paul Sartre, 1938

47 — A Peste, Albert Camus, 1947

48 — Folhas de Relva, Walt Whitman, 1855

49 — Memorial do Convento, José Saramago, 1982

50 — A Invenção de Morel, Adolfo Bioy Casares, 1940

51 — O Tambor, Günter Grass, 1959

52 — Retrato do Artista quando Jovem, James Joyce, 1917

53 — José e Seus Irmãos, Thomas Mann, 1933-1943

54 — Doutor Jivago, Boris Pasternak, 1957

55 — A Cidade e as Serras, Eça de Queirós, 1901

56 — O Estrangeiro, Albert Camus, 1942

57 — Otelo, William Shakespeare, 1622

58 — O Príncipe, Nicolau Maquiavel, 1532

59 — O Amante de Lady Chatterley, D.H. Lawrence, 1928

60 — Os Cantos, Ezra Pund, 1948

61 — A Consciência de Zeno, Italo Svevo, 1923

62 — On The Road, Jack Kerouac, 1957

63 — O Senhor dos Anéis, J.R.R. Tolkien, 1954

64 — A Terra Desolada, T. S. Eliot, 1922

65 — A Origem das Espécies, Charles Darwin, 1859

66 — A Laranja Mecânica, Anthony Burgess, 1962

67 — Luz em Agosto, William Faulkner, 1932

68 — O Coração das Trevas, Joseph Conrad, 1902

69 — Madame Bovary, Gustave Flaubert, 1856

70 — O Paraíso Perdido, John Milton, 1667

71 — Rei Lear, William Shakespeare, 1608

72 — Por Quem os Sinos Dobram, Ernest Hemingway, 1940

73 — Eneida, Virgílio, 19 a.c.

74 — Matadouro 5, Kurt Vonnegut, 1969

75 — A Sangue Frio, Truman Capote, 1965

76 — Histórias, Heródoto, 440 a.c.

77 — Moby Dick, de Herman Melville, 1851

78 — Mrs. Dalloway, Virgínia Woolf, 1925

79 — Lord Jim, Joseph Conrad, 1900

80 — Ardil 22, Joseph Heller, 1961

81 — A Amada, Toni Morrison, 1987

82 — O Capital, Karl Marx, 1867

83 — As Aventuras de Huckleberry Finn, Mark Twain, 1885

84 — A Revolução dos Bichos, George Orwell, 1945

85 — Ficções, Jorge Luis Borges, 1944

86 — Frankenstein, Mary Shelley, 1818

87 — O Sol Também se Levanta, Ernest Hemingway, 1926

88 — Corre, Coelho, John Updike, 1960

89 — O Vermelho e o Negro, Stendhal, 1830

90 — O Complexo de Portnoy, Philip Roth, 1969

91 — Os Três Mosqueteiros, Alexandre Dumas, 1844

92 — A Interpretação dos Sonhos, Sigmund Freud, 1900

93 — Trópico de Câncer, Henry Miller, 1934

94 — Pergunte ao Pó, John Fante, 1939

95 — Reparação, Ian McEwan, 2001

96 — Os Miseráveis, Victor Hugo, 1862

97 — Meridiano de Sangue, Cormac McCarthy, 2008

98 — Sonetos, William Shakespeare, 1609

99 — Desonra, J. M. Coetzee, 1999

100 — O Deserto dos Tártaros, Dino Buzzati, 1940

Veja a matéria aqui

Anúncios

18 pensamentos sobre “[META] Ler os 100 melhores livros (Revista BULA)

  1. Pingback: [DIÁRIO DE LEITURA] Reparação | leiturasdetarologa

  2. Pingback: [DIÁRIO DE LEITURA] Lolita #3 | Leituras de Taróloga

  3. Pingback: [DIÁRIO DE LEITURA] Lolita #2 | Leituras de Taróloga

  4. Pingback: [DIÁRIO DE LEITURA] Lolita | Leituras de Taróloga

  5. Pingback: [DIÁRIO DE LEITURA] No Caminho de Swann | Leituras de Taróloga

  6. Pingback: [DIÁRIO DE LEITURA] No Caminho de Swann #3 | Leituras de Taróloga

  7. Pingback: [DIÁRIO DE LEITURA] No Caminho de Swann #2 | Leituras de Taróloga

  8. Pingback: [MÊS DA HISTÓRIA] Anna Karenina #2 | Leituras de Taróloga

  9. Pingback: [DIÁRIO DE LEITURA] Anna Karenina | Leituras de Taróloga

  10. Pingback: [MÊS DA HISTÓRIA] Os Três Mosqueteiros | Leituras de Taróloga

  11. Pingback: [MÊS DA HISTÓRIA] Reparação #2 | Leituras de Taróloga

  12. Pingback: [META] Coleção Grandes Romancistas – Círculo do Livro | Leituras de Taróloga

  13. Pingback: [META] 100 melhores livros (Revista BULA) – 2016 | Leituras de Taróloga

  14. Pingback: [DIÁRIO DE LEITURA] Lolita #4 | Leituras de Taróloga

  15. Pingback: [DIÁRIO DE LEITURA] Lolita #5 | Leituras de Taróloga

  16. Pingback: [LISTA] Livros lidos do BULA | Leituras de Taróloga

  17. Pingback: [RESUMO] 100 melhores livros (Revista BULA) – 2016 | Leituras de Taróloga

  18. Pingback: [META] 100 melhores livros (Revista BULA) – 2017 | Leituras de Taróloga

O que achou dessa leitura?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s