[LITERATURA] Fronteiras do Universo


744

A trilogia, chamada de Fronteiras do Universo (His Dark Materials), tem como temática central a criação de tudo (em todas as dimensões e planetas) que, segundo o autor (Philip Pullman), não é obra de Deus (que não existe) e sim da pura casualidade. Dentro dessa lógica, é o Pó (como é chamado no mundo da protagonista Lyra) que dá inteligência a todos os seres vivos e os torna conscientes de si mesmos.

Apesar dos livros incomodarem os mais religiosos, principalmente os da Igreja Católica, por quebrar seus dogmas e mistérios e retratar seus membros de forma negativa muitas vezes, a mensagem central da narrativa é positiva e visa dar poder de decisão às pessoas, justamente para que pratiquem o Bem, não por medo da punição do Inferno, mas porque é o certo a ser feito,tanto para si quanto para todos.

Will e Lyra

Will e Lyra

Veja aqui a resenha sobre A Bússola de Ouro (Volume 1)

Os nomes dos volumes tem a ver com o instrumento mais importante utilizado em cada parte da narrativa. E, cada um deles tem como principal artífice o protagonista correspondente ao volume. Assim, Lyra reina absoluta na A Bússola de Ouro, pois é a que sabe ler o instrumento. No A Faca Sutil, conhecemos Will, que se torna o portador da faca e aprende a “cortar” janelas para outros mundos, sendo o fator determinante de muitos acontecimentos. Por fim, no A Luneta Âmbar, Mary, uma cientista, cria uma forma de enxergar o Pó, que no seu mundo ela estudava sob o nome de matéria escura, esclarecendo vários mistérios.

Will

Will “cortando” uma janela entre mundos

Parte do meu diário de leitura do A Luneta Âmbar

Para mim, esta trilogia tem muito de física quântica, misturada com fantasia e alguns conceitos espíritas, como o Mundo dos Mortos que lembra o Umbral. E, apesar da batalha pelo fim da Autoridade (o ser auto-intitulado Deus, que não é Deus) ter sido meio hiperbólica, o autor conseguiu juntar todas as peças aparentemente soltas dos dois primeiros volumes – você vai lendo e não tem a mínima ideia do que tudo aquilo significa – e fazê-las ter pleno sentido no terceiro. É até interessante notar que se ele é cruel nos dois primeiros livros, no terceiro fica todo sensível e romântico.

amber_spyglass

Will e Lyra no meio da batalha

Saiba mais como Lyra lia a Bússola de Ouro

Eu recomendo a leitura. É diferente, original e, embora o terceiro tenha sido um pouco arrastado para mim, sem ele a coleção não faria sentido.

naipes-024

Me acompanhe no Skoob

Anúncios

2 pensamentos sobre “[LITERATURA] Fronteiras do Universo

  1. Pingback: [META] Livros para ler em 2015 | leiturasdetarologa

  2. Pingback: Livros das metas de 2015 e 2016 já lidos | Leituras de Taróloga

O que achou dessa leitura?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s